Seguidores

segunda-feira, 16 de julho de 2012

CONSEGUIREI SUPERAR A PERDA DE UM ENTE QUERIDO FALECIDO?



Até acontecer conosco, temos o hábito de achar que nunca passaríamos por esse problema, mas infelizmente ninguém está imune a perder alguém que ama para a morte. Sei que esse assunto soa um pouco pesado, mas não deve deixar de ser falado, no entanto pode atingir qualquer pessoa, a dor parece ser insuportável, no momento em que acontece não acreditamos que aquilo está acontecendo conosco, parece que estamos dentro de um pesadelo e que não vamos acordar dele nunca, ficamos em transe, é realmente uma dor incontrolável quando somos nós que vivenciamos isso, portanto temos de estar preparados caso venhamos a perder um ente querido. Na verdade não existe receita para esse tipo de problema o que existe é deixar o tempo se encarregar de abrandar a dor que sentimos quando ocorre a perda de um ente querido, infelizmente caso isso tenha ocorrido com você, chore o quanto achar necessário, até não ter mais lágrima para chorar, isso vai te deixar mais leve, não se aborreça com as várias pessoas tentando te colocar pra cima, sei que nessas horas queremos ficar isolado do mundo inteiro, sem ouvir vozes ou ver pessoas, mas elas só querem de alguma forma diminuir o que está sentindo no momento, parece loucura, mas é isso mesmo, elas acham que com meras palavras vão conseguir fazer-nos esquecer que há poucas horas ou dias perdemos alguém que amamos. 
Bom mais será que tem como diminuir essa dor? Diminuir a dor logo que descobrimos que perdemos algum ente querido para a morte é impossível, o que podemos fazer é não entrar em total estado de depressão, procure fazer algo que goste com a tentativa de diminuir a quantidade de tempo que fica pensando em seu ente querido falecido, saia de casa de vez em quando mesmo que não sinta vontade, pode ser que ache que é errado agir desta forma, sair e tentar esquecer, mas você só está tentando não se afundar em tristeza e sofrimento. Pense em como a pessoa que você acaba de perder ficaria feliz se soubesse como você está superando essa perda, mesmo que pareça um tanto complicado, não procure ficar muito tempo sozinho, sem a companhia de alguém, conversar por mais difícil que pareça vai lhe fazer bem, tente conversar sobre outros assuntos, ou até mesmo conversar sobre alguma outra pessoa que está passando pelo mesmo problema que você, isso mostra que todos sofremos e que podemos ser solidários uns com os outros, transmitindo nossas experiências e como estamos conseguindo superar a perda de nosso ente querido falecido, fazendo assim você pode se sentir melhor e mais aliviado.
Talvez faça parte de alguma doutrina religiosa onde se prega que você vai voltar a ver seu ente querido falecido novamente, se fizer parte de alguma dessas doutrinas, se apegue a ela, isso poderá te confortar muito nesse momento delicado que está passando, o ser humano tende a gostar de ouvir que o fim não se resume apenas na morte, mais que existe algo após essa vida, a pessoa que acredita na existência da vida após a morte ou crê na ressurreição e passa pela dor da perda de um ente querido falecido, lida melhor psicologicamente e emocionalmente com a morte. Mesmo nos empenhando para superar tudo isso, podem ocorrer horas que mesmo depois de um tempo você vai se pegar chorando e sentindo uma saudade enorme, não ache que todo seu esforço para se recuperar desse trauma foi em vão, essa saudade sempre nos pega de surpresa, porém com o passar do tempo tende a ser com menos frequência e menos dolorida, chegando até ser uma saudade boa, com o tempo vamos nos lembrar dos momentos bons em que vivemos com a pessoa, assim levando a vida em diante, é claro que até chegar essa etapa demora um longo período de tempo, em média um ano e meio a dois anos, mas essa hora vai chegar. É interessante também se ocupar lendo livros, principalmente os de auto-ajuda são fundamentais quando estamos passando por um determinado problema e não sabemos como resolvê-los, isso vai te trazer mais força para enfrentar a vida sem o ente querido. Se você for forte, por mais dolorosa que pareça a perda, e entender que a vida não acabou pra você no momento em que você perdeu alguém que amava muito, vai conseguir superar esse sofrimento e vai voltar a rir e gostar da vida novamente, superando assim a perda do seu ente querido, ficando no lugar da tristeza somente saudade dos bons momentos passados juntos àquela pessoa.


(Texto de EDUARDO TARGA - Variedades1.com)

3 comentários:

  1. Zelinda querida,
    Excelente texto! Acredito que é possível sim, superarmos a dor da perda de um ente querido, mas é preciso ter muita força de vontade, e sobretudo, é necessário ter perseverança e fé para prosseguir a caminhada.
    Deus nos deu a vida para sermos felizes, portanto, vamos nos permitir viver, fazendo a diferença e crescendo apesar dos obstáculos, e ser feliz, apesar das pedras que encontramos no caminho.
    Nossos entes queridos que partiram nos aguardam no outro lado da vida, para dar continuidade a nossa felicidade, pois a tristeza que ficou aqui é temporária.
    Que Deus nos abençoe e nos fortaleça a cada dia!

    Amiga, acabei de comentar seus dois posts anteriores. Adorei!
    Beijo enorme.

    ResponderExcluir
  2. Minha querida,
    Hoje vim especialmente para agradecer o teu voto e o apoio.
    Obrigada pelas palavras cheias de luz e afeto!

    Também te amo. Um beijo com muito carinho.

    ResponderExcluir
  3. Agradeco os conselhos dados no texto. votos para que continue a ajudar as pessoas no momento de dor.

    ResponderExcluir