Seguidores

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

'Eu não tenho como ir contra a minha dor', diz Cissa Guimarães

A atriz Cissa Guimarães ontem à noite concedeu entrevista ao fantástico falando mais uma vez sobre a sua dor e seu crescimento... Para ver e ouvir a entrevista clique aqui
 

Todos nós agradecemos a Cissa Guimarães por toda a força! Valeu Cissaaaa!!!!

3 comentários:

  1. A Cissa é uma querida mesmo, sempre nos ajudando com seus depoimentos, aceitando falar dessa dor tão grande para que nós mães que vivemos isso possamos também ter forças para prosseguirmos. E a frase "tudo é impermanente"...cheia de sabedoria.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  2. ASLD Paraná....As postagens estão maravilhosas, tenho certeza plena de que o simples fato da leitura faz as pessoas refletirem no silêncio e se sentirem acalentadas.Bj Fraternal,
    ASDL/RJ Márcia Torres

    ResponderExcluir
  3. A frase da psicóloga dela, que ela gentilmente passou para nós: "Sempre tem alguém que diz, "você tem que isso", "aquilo," a gente não tem que nada, estamos no caos, e muitas vezes no caos total, então vamos aceitar esse nosso caos, simplesmente aceitá-lo e ficar sentada nele, não tentar isso, nem aquilo, a psicóloga dela está certa, isso parece que nos deixa mais nervosas, então muitas vezes eu me entrego ao meu caos, paro e fico quieta, ou choro, ou grito... fico onde estou, sem tentar forçar para sair dele. Ela contou que o amigo dela Miguel Falabella disse também: "Minha amiga, você tá num tsunami, se agarra em um toco qualquer para sobreviver, você está numa catástrofe, se agarre à alguma coisa qualquer."
    E ele tem razão: eu já li que o nível de stress pela perda do filho é 100%, semelhante aos que passam por tsunamis, terremotos, grandes catástofres, e soldados em campos de guerra.

    ResponderExcluir